fbpx

Alessandro Trancoso dos Santos

Seja bem vindo! Será um prazer te contar trechos da minha trajetória.

Experiências

.

A vida é uma intensa jornada de oportunidades de auto-conhecimento.

Um de nossos ativos mais valiosos nela é o tempo.

Aproveite a leitura para saber como andei usando o meu tempo acumulando conhecimentos e vivências que me transformam em um cidadão mais crítico, um profissional mais experiente, um consumidor mais esperto, e uma pessoa mais sábia.


Ale Trancoso

Seja bem vindo! Será um prazer te contar trechos da minha trajetória.

Alessandro Trancoso dos Santos

[addthis tool="addthis_inline_share_toolbox_wxac"]

Já reparou o quanto é interessante o modo como criamos e desenvolvemos nossas habilidades.

Me encanta perceber que atividades que pratiquei no início da minha carreira profissional se tornaram aptidões essenciais e positivas do meu modo de trabalhar.

Não foi diferente para mim; para obter algum resultado antes não escapei dos ensinamentos do velho sábio da montanha.

Pinta cerca; encera carro. O treinamento do Sr. Miyagi em Karate Kid é um clássico absoluto.

Acreditamos que os dons já nascem com as pessoas prósperas. Mas, raras as exceções, na realidade as histórias de profissionais com feitos significantes mostram uma jornada de construção e desenvolvimento de qualidades que os garantem sucesso em nossos objetivos.

Lá atrás, no primeiro serviço remunerado (já que não tinha carteira assinada) também fui o personagem que bota casaco, tira casaco. Meu primeiro desafio foi enfrentar uma estante de aço repleta de caixa de arquivo morto; diariamente, era meu bota documento, tira documento.

Agora já não será surpresa se eu te disser que fiquei competente nessa atividade de arquivamento. E lá se vão mais de 14 anos desde que trouxe a tona a capacidade de organização. Talento que me proporcionou alguns sucessos durante minha vida profissional. 

Foi fundamental ser organizado quando consegui uma vaga de trabalho como controlador de estoque em uma grande empresa. 

E quando minha habilidade de organização resultou em lucro para a gráfica onde trabalhei, pois existiam mais de 100 formulários diversos em versões diferentes de um único cliente que causavam ordens de serviço erradas, impressões descartadas e refação; problemas que com meu trabalho de catalogação foi reduzido.

Também para esta gráfica minha habilidade foi eficaz quando montei um site catalogando o portfólio de produtos para facilitar na divulgação dos serviços. É em 2015 eu já criava sites. Confere aqui!

É prazeroso descobrir uma qualidade própria. Um traço bem definido da nossa personalidade que pode ser o aspecto determinante do nosso futuro profissional. 

Não precisa ser surpreendente porém deve ser enérgico. A organização é minha potência.

Nossa! Você deve estar pensando: Organização é básico! 

Vou te contar, também tive essa inquietação, a gente tende a buscar caminhos fáceis + soluções mágicas, mas o dia-a-dia é o mestre do bota casaco, tira casaco, e o que parece simples pode ser grandioso. 

De que ângulo você vem olhando as oportunidades?

Eu olhei do ângulo das minhas conquistas profissionais, e confesso que senti desconforto e dúvida; será que estou crescendo rumo ao meu desejo de ser um designer realizado com o que faz. 

Não estava convicto mas pressentia que poderia ir mais longe. Que com as habilidades que desenvolvi poderia alcançar coisas novas.

O fato é que quando estamos incomodados tendemos a ter atitudes exageradas pois buscamos ir além de nossas fronteiras e desejamos que nossa vida não se resuma naquilo que não nos satisfaz.

Tranquei minha faculdade de Design e mudei de cidade para trabalhar em outra gráfica e com objetivo de cursar Publicidade e Propaganda em uma cidade próxima. Mas não demorou muito para perceber que estava em fuga, queria mudança, queria novidade, mas mesmo em um lugar diferente sentia grande prazer enquanto buscava mais conteúdo sobre Design.

Não adianta recusar uma vocação. “Todo aquele que sai de casa para pôr fogo no mundo, um dia volta para buscar mais fósforos”.

Tenho uma crença que para alcançarmos algo novo, primeiramente temos que completar um ciclo, sentir-se realizado. E por este motivo voltei, estava na hora de ser mais persistente em minhas metas.  

Certamente a gente vai fazer escolhas erradas, falhará em algum momento da jornada, faz parte. No entanto, o que não mata nos fortalece, e é neste processo que aprendemos com cada umas das falhas a crescer no sentido do sucesso.

Ter a consciência que simplesmente não acontecerá da noite para o dia desenvolve em nós uma resistência que evita o abandono dos nossos objetivos. Com muito trabalho e vontade a gente chega lá.

Nesta retomada, desta vez já estava com mais clareza em onde gostaria de estar e quais soluções gostaria de desenvolver com meu trabalho tive a oportunidade de trabalhar em uma agência e editora, a qual me apresentou uma visão diferenciada dos serviços que eu enquanto designer iria realizar naquele momento.

Certamente fui contratado pela minha habilidade no design gráfico e por minha experiência em material impresso, porém a atividade exigiu estimular a criatividade. Foi um desafio aceito, teria que desenvolver melhor esta habilidade pois estava acostumado a receber material pronto e fazer os ajustes para impressão, mas agora era eu o criativo.

Na atualidade é cada vez mais presente o fato que temos que estar em constante aprendizado, em design esta é a maior verdade da minha carreira profissional. Ao longo da minha jornada tive que aprender uma grande variedade de tópicos e habilidades muito rapidamente. Nesse aspecto minha sede de conhecimento me serviu muito bem.

Esforçar-se constantemente para aprender novas metodologias, novos softwares, tecnologias e conceitos de negócios me deram base para desenvolver grandes ideias e colocá-las em movimento.

Uma ideia interessante que realizamos juntamente com a equipe da editora foi um encontro com empreendedores parceiros para dividir o nosso conhecimento sobre publicidade, design e marketing. (registro) 

Enquanto gerenciava minha carga de trabalho estava de olho no futuro, e me interessou trabalhar com diagramação, não era minha função na editora mas estava inquieto.

Até este momento atravessei caminhos com muitos obstáculos, em uma velocidade e em níveis de dificuldade diversos. Acredito que ainda vou ter muitos altos e baixos, e que vou continuar aprendendo, mas nesse processo sempre vou encontrar ajuda para seguir em frente.

Pode até soar meio hippie mas alimento o pensamento que a gente atrai o que deseja, talvez a neurociência explique melhor isso. Mas o fato é que logo surgiu uma oportunidade de colocar em prática minha vontade de me tornar um diagramador pleno e fiz a escolha de trabalhar em Jornal.

Um mundo novo. Em jornais tudo acontece em ritmo acelerado e são várias atividades para desenvolver. Para um profissional que gosta de desafios é um prato cheio desde que saiba organizar e priorizar tarefas. 

E como acontece sempre após um desejo realizado, sempre encontramos algo a mais para perseguir.  Pesquisando sobre o negócio de jornais e como tudo funciona e como poderia com o design fazer diferença encontrei o Design de Serviços, uma área que tem afinidade com a minha habilidade de organização. E a partir desta descoberta venho me aperfeiçoando, testando as metodologias e mensurando os resultados.

Encontrei um propósito, um recurso que posso usar para fazer a diferença através de meus serviços para meus empregadores, meus clientes e todas as pessoas que possa alcançar.

Vamos desenvolver boas ideias!?

Eu.gência online

Videira - Santa Catarina

contato@videsimples.com.br

49 9 9108.2648

Copyright © 2019 Vide Simples. Todos os direitos reservados.